Neurofarmacologia a pesquisa sobre o óleo essencial de bergamota e sua aplicabilidade nas emoções e na psicodermatologia


 
Pesquisa

Neurofarmacologia do óleo essencial de bergamota


A bergamota (Citrus bergamia, Risso) é uma fruta mais conhecida por seu óleo essencial (BEO) usado em aromaterapia para minimizar os sintomas de ansiedade induzida por estresse e transtornos leves de humor e dor de câncer, embora a base racional para tais aplicações aguarde ser descoberta. Os efeitos comportamentais e de poder do espectro EEG do BEO correlacionam-se bem com sua liberação exocitótica e mediada por transportadora de aminoácidos discretos, dotados da função de neurotransmissores no hipocampo de mamíferos, apoiando a dedução de que o BEO é capaz de interferir na plasticidade sináptica normal e patológica. A neuroproteção observada no curso da isquemia cerebral e dor experimentais apóia esta visão. Em conclusão, os dados obtidos até o momento contribuem para a compreensão do modo de ação desse fitocomplexo no tecido nervoso em condições experimentais normais e patológicas e fornecem uma base racional para o uso prático do BEO em medicina complementar. Também está prevista a abertura de um amplo local para futuras pesquisas e traduções em ambientes clínicos.
O óleo essencial de bergamota, da mesma forma que outros óleos essenciais, é usado na aromaterapia, como um medicamento complementar amplamente difundido para minimizar os sintomas de ansiedade induzida por estresse e transtornos leves de humor e dor de câncer, embora a base racional de tais aplicações aguarde a ser descoberta. Os resultados in vivo e in vitro indicam que o BEO é capaz de interferir com mecanismos básicos de ajuste fino da plasticidade sináptica em condições fisiológicas e patológicas.

Estou postando aqui, esta receita, pois em várias lives que estou fazendo como convidada, vejo uma série de perguntas relacionadas a este assunto, tanto de estresse exacerbado e também na área de dermatologia.

Pela pesquisas na área de neurofarmacologia dos óleos essenciais,  e mais os meus estudos realizados neste 43 anos, , faço constantemente a indicação deste óleo essencial para situações de estresse negativo, ou seja em situações onde a pessoa não está conseguindo lidar com a situação vivida em seu dia à dia, gerando um certo transtorno emocional.
No caso ainda de pessoas que possuem uma genética que a predispõe a algum transtorno dermatológico, tal como a dermatite, urticária, psoríases, que na atualidade estão sendo categorizadas na psicodermatologia, onde o tratamento além de local, deve também estar sendo complementado por um tratamento na área psicológica e psiquiátrica.
Há anos recomendo, que seja utilizado os seguintes óleos essenciais e vegetal, para tanto o tratamento do sistema tegumentar nas dermatopatologias, quanto para amenizar o sofrimento emocional.
Os óleos devem ser de excelente qualidade, com marcadores que garantam a qualidade destes óleos essenciais para sua aplicabilidade e que obtenha resultados esperados.
Posso passar esta receita e mesmo não estando diretamente com a pessoa, sem ter feito um diagnóstico, posso pelos meus anos de estudos tanto na área da aromaterapia quanto da neuropsicologia, recomendar esta receita abaixo:
Em 30 ml de óleo vegetal de calêndula macerado By Samia;
Adicionar:
 20 gotas do óleo essencial de lavanda By Samia;
15 gotas do óleo essencial de bergamota By Samia;
10 gotas do óleo essencial de cedro By Samia.
Fazer a aplicação todas as noites nas regiões que estão afetadas. E também aplicar na sola dos pés, e massagear por 10 minutos cada pé.
Após, proceder com a inalação, mais profunda durante umas 10 vezes.
Esta sinergia não deverá ser utilizada durante o dia em locais que estejam expostos ao Sol. E em crianças abaixo de 12 anos.
Para crianças fazer uma diluição de ¼ desta acima citada.
Estou as ordens.
Sâmia Maluf


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s