Aromaterapia – grande aliada para o trabalho de parto

Quando você decidir adotar um estilo de vida  mais natural, você acabará por ter de considerar aromaterapia em sua vida, e quando houver a gestação, que tal pensar no trabalho de parto. 

Há muitas histórias de horror que geram terror entre as gestantes,  sobre as coisas diferentes que você deve e não deve fazer enquanto estiver grávida, mas você pode ficar tranqüila sabendo que, se é um remédio natural  você está fazendo a coisa certa. No entanto, você precisa ser educada sobre o assunto antes que você possa diagnosticar e prescrever qualquer tipo de tratamento.  E sempre consulte seu médico. 

Como com qualquer coisa, você deve ter certeza antes de agir,  só não vale arriscar errado, por este motivo, recorra sempre ao seu médico, com os produtos que você pensar em usar, as opções de trabalho de parto, sempre com seu médico acompanhando – a.
Há um grande número de óleos essenciais que podem ser usados ​​na vida cotidiana e o mesmo se aplica a aromaterapia durante o parto. 

Um dos aspectos importantes que muitas vezes é esquecido é adequar a  preparação de um tratamento de aromaterapia, e não deixar para a última hora, não vai funcionar se você deixar para o último segundo. Considerar iniciar o seu tratamento entre seis e nove semanas antes da data prevista.


O que você deve usar na aromaterapia em trabalho de parto?  Você precisa ter em mente que ser a mãe de uma pessoinha, pequena que está prestes a chegar é extremamente difícil. Neste momento, use apenas alguns óleos e  garanta que eles são puros, e que serão diluídos, para quando entrarem em contato com o seu corpo, seja através do nariz ou a pele.


Um nascimento Tranquilo

Lavanda – possivelmente o mais popular dos óleos essenciais, tem propriedades calmantes muito fortes e ajuda a relaxar e acalmar a mulher que está em trabalho de parto. Quando da dilatação, um banho quente, com lavanda pode fazer maravilhas para acalmar antes da parte difícil  do nascimento.

Hortelã Pimenta – uma gota ou duas desse maravilhoso óleo, em um tecido para inalar entre as contrações mantém a gestante em trabalho de parto refrescada.

Jasmin  – O óleo sábio – se você deseja incentivar e promover as contrações, este óleo pode ser usado ​​no difusor, por um período curto.

Rosa e Olíbano – usados também durante as contrações, estes óleos promover  relaxamento nos intervalos entre as contrações.

Neroli e Lavanda – estes óleos essenciais misturados, em um pouco de óleo vegetal usado para massagens no peito, e na testa, enquanto controla respirações profundas para ajudar a relaxar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s