Tratamento da depressão com óleos essenciais

Óleo Essencial tem sido usado como complemento no Tratamento de Depressão e Ansiedade. Descubra como os óleos essenciais pode ajudar!

Depressão pode afetar a maneira que você sente, como pensa, e a maneira que você age e o Óleo Essencial pode te ajudar.

Embora seja um distúrbio de humor, a depressão pode causar sintomas físicos e emocionais. Estes podem variar dependendo da pessoa, mas freqüentemente incluem:

  • ansiedade
  • inquietude
  • tristeza
  • desespero
  • dificuldade de concentração

Muitas pessoas usam óleos essenciais como tratamento complementar para muitas condições, incluindo a depressão.

É importante notar que os óleos essenciais não são uma cura para a depressão.

Eles são uma opção livre de drogas que pode ajudar a aliviar alguns sintomas e ajudar você a gerenciar a condição.

Na maioria dos casos, os óleos essenciais são seguros e livres de efeitos colaterais.

Pesquisas sobre os Óleos Essenciais

Embora existir dezenas de óleos essenciais no mercado, pesquisas sobre os potenciais benefícios, riscos e eficácia é muitas vezes limitada.

Lavanda

oleo-essencial-lavanda

O óleo de Lavanda é muitas vezes valorizado por seu efeito calmante. A pesquisa sugere que a aromaterapia com lavanda pode ajudar:

  • alívio da ansiedade
  • diminuir o stress
  • melhorar o humor
  • promover o relaxamento

A erva em si também pode ajudar a depressão. Pesquisadores em um estudo de 2003compararam a eficácia de uma tintura de alfazema para a imipramina antidepressivo.

A tintura é diferente de um óleo essencial.

Tinturas são produzidas com ervas frescas e um álcool de cereais.

Os pesquisadores concluíram que a tintura de lavanda pode ser uma terapia benéfica para tratar suave para depressão moderada.

Gengibre Selvagem (Wild Ginger)

Óleo Essencial de Gengibre Selvagem

De acordo com um estudo de 2014, o gengibre selvagem pode ter qualidades antidepressivas.

Os pesquisadores descobriram que ratos em estresse quando foram expostos a inalação do óleo de gengibre selvagem experimentaram menos stress.

Eles também exibiram comportamentos com menos depressão.

Acredita-se que o óleo pode ativar o sistema serotoninérgico, que é um sistema de transmissores do cérebro associada com depressão.

O efeito é retardar a liberação de hormônios do estresse.

Bergamota

Óleo Essencial de Bergamota

O aroma cítrico do óleo de bergamota é conhecido por ser um calmante natural.

De acordo com um estudo de 2013, a aromaterapia à base de óleo de bergamota reduziu significativamente a ansiedade em pacientes à espera de cirurgia.

Embora a depressão e ansiedade serem doenças diferentes, muitas vezes acontecem ao mesmo tempo.

A ansiedade também é uma possível complicação da depressão.

Não está claro como age os efeitos da bergamota e como ela pode ajudar a reduzir a liberação de hormônios do estresse durante situações estressantes.

Outros óleos

Estudos têm mostrado que o óleo de Ylang-Ylang e óleo de rosas têm efeitos calmantes e relaxantes.

Os óleos também podem diminuir o que é chamado de “funções autônomas,” tais como a…

… sua taxa de respiração, freqüência cardíaca e pressão arterial.

Outros óleos essenciais são conhecidos em aliviar sintomas de depressão como:

  • camomila
  • laranja doce
  • toranja
  • Neroli
  • olíbano
  • jasmim
  • sândalo

Como usar óleos essenciais para depressão e ansiedade

Óleos essenciais são reconhecidos principalmente por seus efeitos aromáticos na depressão e seus sintomas.

Os métodos mais comuns para a inalação do perfume dos óleos são:

  • Inale o perfume diretamente da garrafa ou inalador do óleo
  • Aplique algumas gotas de óleo essencial em algodão e inale diretamente
  • Adicionar algumas gotas do óleo em um difusor e inalar indiretamente
  • Faça um banho de aromaterapia, adicionando algumas gotas de óleo essencial, diluído com mel, leite ou um óleo específico para banheira
  • Desfrute de uma massagem de aromaterapia, adicionando algumas gotas de óleo essencial

A combinação de óleos essenciais também pode ajudar a depressão, de acordo com um estudo em 2008.

Riscos e advertências sobra os Óleos Essenciais

Pessoas com problemas respiratórios, mulheres grávidas e crianças não devem usar óleos essenciais, a menos que sob a supervisão de um médico ou um aromaterapeuta.

Todos os óleos essenciais podem causar uma reação alérgica, então você nunca deve aplicá-las à sua pele sem diluir. Se você planeja aplicar uma mistura de óleos essenciais para sua pele.

Você também deve fazer um teste de sensibilidade da pele antes de grandes aplicações.

Aplique uma pequena quantidade de sua mistura de óleo essencial em uma parte da pele pelo menos 24 horas antes de sua aplicação total.

Isso permitirá antecipar uma possível alergia mais grave.

Só compre óleos de um fabricante com marca reconhecida no mercado. Se possível, peça uma recomendação a um aromaterapeuta.

Óleos Essenciais são complementos de um Tratamento contra Depressão e Ansiedade.

Você não deve substituir o seu tratamento para a depressão com óleos essenciais sem a aprovação do seu médico.

Óleos essenciais são destinados apenas para servir como um tratamento complementar, e não deve ser considerado como o tratamento principal.

Os tratamentos convencionais para a depressão incluem:

  • uso de antidepressivos
  • psicoterapia, incluindo sessões individuais e de grupo
  • tratamento psiquiátrico de internação para casos graves de depressão
  • eletroconvulsoterapia para pessoas que não respondem à medicação, não podem tomar antidepressivos, ou estão em alto risco de suicídio
  • estimulação magnética transcraniana para pessoas que não respondem aos antidepressivos

Depressão não tratada ou mal gerenciado pode levar a:

  • dor física
  • transtornos de ansiedade
  • pensamentos suicidas
  • abuso de substâncias

O que pode fazer agora

Se você está enfrentando depressão, fale com seu médico sobre os seus sintomas.

O médico vai trabalhar com você para desenvolver o melhor plano de tratamento para você. Uma vez que seu plano de tratamento tiver sido definido, você deve cumpri-lo o melhor que você pode.

Se você está interessado em usar os óleos essenciais, fale com seu médico ou um aromaterapeuta.

Eles podem ajudá-lo a determinar a melhor maneira de incorporar óleos essenciais no seu tratamento contra a depressão.

 

FONTE: https://www.indicedesaude.com/tratamento-da-depressao-com-oleos-essenciais/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s