O seu perfume diz muito sobre você

Sinônimo de elegância, beleza e mistério, o perfume é indispensável para qualquer mulher.

Escolher uma fragrância é como escolher joias ou roupas. Cada detalhe deve ser minuciosamente pensado e analisado para que não haja possibilidade de erro. Um perfume é tão pessoal quanto uma peça de roupa íntima, os aromas são diferentes em cada pessoa. Em contato com a pele, cheiros naturais e outros fatores, os perfumes ganham uma fragrância única em cada um.

Segundo a especialista em perfumes, Renata Ashcar, nunca se deve escolher um perfume baseado no cheiro que eles têm em outra pessoa. “O perfil genético, os hábitos alimentares, o grau de transpiração e até o temperamento de cada um afetam o aroma do produto. A mistura dos odores corporais com a fragrância resulta em diferentes cheiros”, explica Renata.

Além dos cheiros naturais de cada um, algumas pessoas costumam misturar sabonetes, cremes corporais e desodorantes com o perfume. Isto é extremamente errado, pois os aromas acabam conflitando entre si e nem sempre resultam em uma fragrância agradável. Outra dúvida frequente é a respeito dos nomes desses tão importantes aliados. Eau de parfum, desodorante colônia, água de colônia, afinal, qual é a diferença entre eles? Para entender melhor e poder escolher com mais propriedade o que você deseja utilizar, o pesquisador do O Boticário, Cesar Veiga, explica o que significa cada uma dessas nomenclaturas.

Parfum ou Extrait: Produtos mais caros e com alta concentração de essência, podendo chegar a 30%. São vendidos nos famosos frascos pequenos.

Eau de Parfum: A concentração de essência no produto varia de 18% a 20%.

Eau de Toilette ou Desodorante Colônia: Forma mais diluída do perfume. Deve apresentar em sua composição um ingrediente ativo desodorizante. A concentração de essência varia muito de acordo com o tipo e preço, sendo o mais comum a faixa de 5% a 15%.

Splashes Colônias (Body Mist): Possui uma concentração de essência de 3% a 5%, suficiente para perfumar sem ser demasiadamente forte. Sua função principal é prolongar o frescor e conforto do banho. Pode ser reaplicado várias vezes ao dia para renovar a sensação de um banho recém tomado.

Colônias ou Águas de Colônias: Geralmente são usadas para designar produtos infantis, pois apresentam baixa concentração de essência, no máximo 2%.

Combinar a fragrância certa, com seu estilo de ser, também é algo que merece atenção. Segundo os especialistas em perfumes, cada pessoa possui um diferente perfil que se adéqua a determinados aromas.

De acordo com a aromatóloga, Sâmia Maluf, a combinação entre fragrâncias e estilos é a seguinte:

.Esportivo: herbais e cítricos;

.Clássicos: florais com um toque amadeirado;

.Moderno: frutais; Despojado: cítricos;

.Requintado: amadeirados.

Além de estar de acordo com todos esses elementos, ainda é preciso observar seu tipo de pele para ter certeza de que o perfume vai fixar e ter o aroma desejado. “Em peles mais oleosas, o perfume fixa melhor e é mais intenso. Nas peles secas, os aromas são mais difíceis de permanecer, portanto, passar um hidratante da mesma marca aumenta a capacidade de retenção.

Nas peles normais, a fixação é ideal, geralmente dura horas”, conta a especialista em perfumes, Renata. Aliado a isso, ainda leve em conta sua intenção em relação à duração do perfume. Os odores mais densos como amadeirados, vanila e resinas duram mais tempo no corpo, já os cítricos, herbais e lavandas são mais voláteis e evaporam facilmente.

Ufa! Quem disse que era fácil escolher o perfume certo? Depois de descobrir o seu favorito, o próximo passo é partir para a prática e aplicá-los! Essa parte também é complicada. Normalmente, aplicamos borrifadas de perfumes nos pulsos, pescoço e atrás das orelhas, mas será que estamos fazendo da maneira correta?

Conforme as especialistas Renata Ashcar e Sâmia Maluf aconselham, os lugares em que os perfumes fixam melhor são as partes do corpo que possuem maior irrigação sanguínea. Umbigo, nuca, atrás dos joelhos, virilha e os já conhecidos, pulso e atrás da orelha são os mais indicados. “Mas o mais certo a se fazer, é borrifar uma névoa de spray e então passar por ela”, esclarece Sâmia.

Sabemos que os perfumes representam atitude, charme e classe, mas é muito importante aplicá-lo da maneira certa, pois exagerar é uma tremenda gafe! O bom senso é imprescindível, perfumar-se de acordo com o período do dia e lugar que pretende ir é essencial.

Agora que já estamos elegantes e cheirosas, podemos arrasar por aí.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s