Óleos Essenciais de Hortelã pimenta, Tea tree e Tomilho Podem Auxiliar em Tratamentos de Canais Dentários.

Como os micro organismos, cada vez mais, estão ficando resistentes aos medicamentos existentes da indústria farmacêutica, existe uma busca por métodos alternativos a estes fármacos e a utilização de susbstâncias naturais, em especial os óleos essenciais, pode ser uma alternativa de sucesso.

Este estudo teve como objetivo descobrir a concentração inibitória mínima (MIC) de cinco óleos essenciais contra patógenos bucais e para descobrir a concentração bactericida mínima (MBC) e concentração fungicida mínima (MFC) de cinco óleos essenciais contra agentes patogénicos orais.

Óleos Essenciais de Hortelã pimenta, Tea tree e Tomilho podem auxiliar em tratamentos de canais dentários.
Óleos Essenciais de Hortelã pimenta, Tea tree e Tomilho podem auxiliar em tratamentos de canais dentários.

Os óleos utilizados foram: Tea Tree (melaleuca), Lavanda, Tomilho, Hortelã pimenta e Cravo. Já os patógenos bucais, diluídos, foram as cepas de Staphylococcus aureus ATCC 25923, Enterococcus fecalis ATCC 29212, Escherichia coli ATCC 25922 e Candida albicans ATCC 90028.

Dentro deste estudo, todos os óleos tiveram um efeito inibidor significativo, mas os óleos de Hortelã pimenta, Tea tree e Tomilho obtiveram os melhores resultados como solução anti-sépetica contra patogênicos nos canais dentários.

Para ler o arquivo completo em inglês, basta acessar o link abaixo. Boa Leitura.

Antimicrobial efficacy of five essential oils against oral pathogens An in vitro study

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s