Sobre aldeídos – Sinergias Antiinflamatórias e Anti – Virais

Os efeitos anti-inflamatórios e anti-virais de aldeídos
Resultado de imagem para eucalipto citriodora
 Aromaterapia é mais do que encontra o nariz. A investigação europeia em óleos essenciais atribui efeitos muito específicos para certos compostos encontrados em plantas aromáticas. Com a prática, é possível aprender a detectar estes compostos por aroma sozinho. Se estes compostos principais podem ser identificadas, também terá uma maior compreensão da química e as propriedades curativas de um óleo. Um qualificador para estes efeitos são os compostos que são apenas ativos na presença de uma matriz, por vezes, de centenas de constituintes que compõem um óleo essencial. Em outras palavras, para um benefício máximo de um óleo essencial conjunto, completo e não adulterado é superior a um composto isolado.

Aldeídos são os compostos aromáticos responsáveis ​​pela fragrância do limão que sentimos do cheiro de Melissa (Melissa officinalis), Verbena (Lippia citriodora), citronela (Cymbopogon nardus), capim-limão (Cymbopogon citratus), e Eucalipto citriodora (Eucalyptus citriodora). Óleo de limão não contém aldeídos e, portanto, não partilham propriedades terapêuticas como estes óleos.

Estudos têm mostrado que  “óleos essenciais com um elevado teor de aldeído” tendem a exibir uma ação sedativa no tecido muscular e têm sido utilizados em misturas terapêuticas para  seus “efeitos sedativos e antiinflamatórios” forte (Schnaubelt, 1995). Aqueles que infelizmente tem experimentando dor e desconforto de esforços excessivos, lesões, artrite ou tendinite, muitas vezes se sentem aliviados dos sintomas após uma única aplicação de uma mistura que inclui um desses óleos essenciais ricos em aldeído. Aldeídos, e óleos com maior “conteúdo citronelal” (Eucalyptus citriodora e citronela) são considerados os mais adequados para este uso particular (Schnaubelt 1999).

Uma segunda característica dos aldeídos são os seus efeitos anti – virais distintos “, especificamente eficazes contra surtos de herpes” Schnaubelt (1995). De acordo com o Dr. Schnaubelt, “óleos essenciais para combater doenças virais de modo suave e eficaz por inibição do patógeno e melhorando a atividade metabólica global e resposta imune” (1999), são os aldeídos. Óleos com maior “conteúdo de citral” (Capim-limão,  Verbena e Melissa) contendo aldeído,  são considerados os mais adequados para este uso particular (Schnaubelt 1999). As lesões que aparecem como feridas de frio nos lábios ou na parte inferior do tronco,   são totalmente evitadas se os óleos essenciais contendo aldeído são aplicados assim que o formigueiro, ou outros sinais de alerta de um surto. Os preparados com óleos essenciais ricos em aldeído são comumente encontrados em farmácias. Dr. Schnaubelt observa que “Lemongrass parece ser um dos mais fortes agentes antivirais disponíveis na aromaterapia” e “com apenas algumas aplicações tópicas, um surto pode ser encerrado ” (1995).

Esteja ciente de que os aldeídos são irritantes potenciais da pele e têm sido “envolvido em algumas reações de sensibilidade e reatividade cutânea” (Tisserand 1995). Mesmo quando diluído em misturas, irritação da pele pode ocorrer com certos óleos essenciais, especialmente em peles sensíveis e reativas. Verifique as fórmulas abaixo para diluição adequada. Se ocorrer vermelhidão, aumentar a proporção de óleo vegetal ou interromper o tratamento.

Mistura Antiinflamatória
Use diariamente, conforme necessário, para a dor devido à inflamação
10 gotas de Eucalipto citriodora 

05 gotas de Lemongrass
30 ml de óleo  vegetal de girassol

Mistura Antiviral
Use diretamente sobre lesões
25 gotas de Citronela

05 gotas de Gerânio 
05 gotas de Palmaros
100 ml de  Óleo  Vegetal de Girassol


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s