Sobre minhas origens – Um pouco deste lindo país – LITUANIA

Nestes dias de carnaval, além de cuidar de minha mãe, ficar com o maridão, fui visitar minha família por parte de minha mãe. E entre nossas conversas, fiquei sabendo um pouco mais da história desta minha origem, e o porque (acredito no incosnciente ), e porque tenho em minhas memórias e em meus comportamentos, algumas coisas, tão atávicas, tão enraizadas. Claro que muitooo foi pela educação recebida de meus pais, sendo meu pai Libanês e minha mãe Lituana. Mas sempre que penso em mim, tenho uma lembrança de estar vestida com saias compridas, lenço na cabeça e todos floridos, e me vejo sempre ( claro que deve ser a imaginação ), mas,  tudo que gosto, tem a ver com imagens em minha mente, de campo, de flores de ervas. Queria então dividir um pouco deste país, que muito pouco foi falado, por haver sido imcorporado há muito pela Rússia, e há muito poucos anos, liberto de seus grilões…A Lituania….. E tentarei dividir, este lindo país com vocês, sua cultura, suas receitas, as quais aprendi muito com a minha família…. Postarei um pouco de tudo isto. E em minha imagem, me vejo como em um livro, a senhora das especiarías……. Acho que por este motivo, gosto tanto dos óleos, das receitas naturais, que ví a minha vida inteira…… e aprendi com minha mãe,  minha avó,minhas tias avós,
Então com vocês a Lituania

 

Lituânia: Curanian Split

Klaipeda – De onde minha família veio – Nasceram em Klaipeda, e após a primeira guerra foram para a Alemanha, fugindo da horrível primeira guerra, e após, moraram na Alemanha durante um tempo, e de Hamburgo, vieram ao Brasil, para começar a vida…..

Do google – Wikipédia
As Repúblicas bálticas foram três repúblicas que pertenceram à União Soviética (RSS da Lituânia, RSS da Letônia e RSS da Estónia) durante o período de 1940 a 1991.
Os três países foram soberanos entre 1918 e 1940, ano no qual foram anexados pela União Soviética, seguido por um período de ocupação alemã entre 1941 e 19441945. Recuperaram a independência em 1991 e atualmente são conhecidos como Estados bálticos.
Durante o período que fizeram parte da URSS as três repúblicas eram chamadas de “Pribaltika”, termo depreciativo na língua russa (significavam “territórios bálticos”, ou seja, meros “territórios”). Os habitantes dos três países preferiam o termo “Baltiya”.
A maioria dos países ocidentais considerou que a incorporação da Lituânia, Letónia e Estónia na URSS tinha sido ilegal, e formalmente não as consideravam parte da União Soviética. Esta interpretação legal mantém-se hoje em dia e é partilhada pelos governos e pela maior parte da população


Deixe uma resposta